Evolução dos letreiros | Gazeta do Balão
Evolução dos letreiros
Publicado em 12/07/2014 | 929861 Visualizações

Olá pessoal! Desde os primórdios do balão, a maior homenagem que uma pessoa possa receber é ter seu nome reproduzido num letreiro ou até mesmo sua foto estampada numa bandeira ou balão. Mas, lá nos anos de 1970 quando nasceram os primeiros balões com lanternas, sempre foi comum a reprodução de nomes de amigos, parentes, turmas e mensagens diversas em armações:.

1

Esse estilo de balão se tornou uma febre nos céus cariocas e, como nos grandes balões de armação, arrastavam milhares de pessoas para acompanhar suas solturas.

2

Devido a complexidade de preparação das armações, nasceram os letreiros na vertical, com letras simples que eram feitos no chão, lá mesmo no campo onde seria solto ou nas bancadas como se fossem uma enorme escadinha com varetas japonesas, flechas e barbantes.

3

Assim como os noturnos, nasceram os letreiros diurnos, não muito comuns nos dias de hoje, mas ainda existem:

4

Nos anos de 1990, com a utilização de revistas de Ponto Cruz e papel quadriculado, a febre na época, a opção de novas fontes (letras) fez com que os letreiros ganhassem molduras e formatos muito mais bonitos e trabalhados:

5

Com a evolução das armações em ponto cruz, que abandonou o trabalho de montar a malha de armações e letreiros no campo de soltura e facilitou a montagem criando redes artesanais. Com isso, os letreiros ficaram mais alinhados e fáceis de montar:

6

Em meados da década passada, o tradicional estilo vertical foi perdendo espaço e os letreiros começaram a serem escritos na horizontal com letras manuscritas:

7

Já no final da década, a busca pela qualidade e perfeição trouxe aos letreiros, desenhos alinhados as letras como se fossem armações ilustrativas:

8

Hoje, já virou realidade. Praticamente todos os letreiros seguem essa tendência. Para muitos, os letreiros perderam sua essência. Para outros, ficaram mais belos, cada vez mais bonitos e com cores jamais vistas trazendo um visual diferente e realista:

9

Com letras “quadradas” ou mais elaboradas, com armações de vareta ou redes, é inegável a emoção de quem é homenageado em nossos balões. Pra você, o que mais importa? A homenagem, o estilo, a tradição? Participe e dê a sua opinião.

Um grande abraço.

Dinho GB

Gostou? Curta e Compartilha!
  • 265
    Shares

Mande seu Recado:

Copyright © 2006 / 2020 - Gazeta do Balão | Todos os Direitos Reservados - Permitida a reprodução com citação da fonte
error: Não copie, compartilhe!