Turma do Cometa | Gazeta do Balão
Página Inicial > Artigos e Colunas > Entrevistas

Turma do Cometa

Olá amigos! Após muitos anos e divergências de agendas entre ambas as partes, nos dirigimos neste fim de semana para o Rio de Janeiro para enfim podermos realizar mais uma entrevista especial com uma das mais importantes turmas de baloeiros, não só do Rio de Janeiro, mas de todo o Brasil: A turma do Cometa. Para iniciarmos nosso bate papo, a primeira pergunta: As origens da turma:

TC: Eu (Manuelzinho) sou um cara abençoado. Nasci em 29 de junho de 1958, dia de São Pedro e não só meus pais, mas muitos baloeiros de época dizem que aquele dia foi um dos que mais subiram balões na história do Rio de Janeiro, além claro, o dia em que o Brasil foi campeão na Suécia. Durante toda a minha infância, minhas festas de aniversário eram comemoradas junto com as festas juninas sempre com muitos balões. Aprendi a fazer os balões com minha mãe e minha tia. Praticamente toda a família da minha mãe soltava balões, na época os Marias Pretas. Já adolescente, acompanhei a Copa de 70 e no dia em que o Brasil foi Tri Campeão, me lembro de que no fim da tarde, por volta das 17:00 subiram muitos, mas muitos balões. Foi inesquecível! Naquela época, junto com meus amigos, fiz meus primeiros balões. Éramos uma família, passávamos os fins de ano juntos, preparávamos os balões durante todo o primeiro semestre de cada ano para poder soltá-los nas festas juninas. O primeiro festival de balões que vi foi no começo da década de 70 ao lado da Quadra da Portela em Madureira na zona oeste do Rio. Minha mãe me levou e fiquei fascinado com tudo que vi naquele dia. Naquela época, os balões eram soltos naquela região, principalmente no Clube Caeté e sempre no mês de junho. A partir da segunda metade da década de 70, o Titio Mello, famoso balógrafo carioca que vendia fotos dos balões em sua loja num shopping, começou a reunir muitos amigos por lá. Sua loja foi o primeiro ponto de encontro de baloeiros da década de 70. Cada bairro tinha seu grupinho e na loja de Titio Mello que todos se conheciam. O nome de Turma do Cometa foi escolhido por um grande amigo, o Tião Carcaça. Ele era um engenheiro muito bom e sempre cuidava das decorações, Antes de nascer a Cometa, tinha uma molecada aqui ao lado que tinha uma turma chamada de Neblina. Nós éramos a turma do Bacalhau. Sempre soltávamos os balões aqui e eles lá. Um dia o Tião chegou e lhes convidou para juntarmos as turmas e nasceu a Turma do Cometa em 1978.

GB: Quais foram os primeiros integrantes ?
TC: Eu Manuel, o Tião, Gilberto, Bolha, Serginho Niterói, Bruno, Serginho Miquinho, Zé Mauro, Maninho, o finado Zé, um professor de geografia que entendia muito de matemática. Sua participação foi muito importante naquela época, pois muita gente fazia seus balões e armações “no olho”. Com a ajuda do Zé, nossos trabalhos eram feitos tudo no cálculo. As decorações e armações eram perfeitamente milimetradas e essa perfeição fez com que ganhássemos destaque nos primeiros anos de Cometa. Depois vieram o Zé Libonati de Del Castilho, o Weber que tinha uma grande paciência preparando vela por vela, molhando no querosene pra nossas armações, enfim, muita gente passou por aqui, mas os cabeças sempre foram os mesmos.

GB: Quais foram os primeiros balões soltos depois dessa união?
TC: O primeiro balão após a junção da Bacalhau com a Neblina foi um 7×7, todo branco com estrelinhas azuis que retratava nossa escuderia na armação. Esse balão foi solto aqui ao lado onde hoje é a 22ª Delegacia ao lado da avenida Brasil. Ele trouxe muita gente pra vê-lo, inclusive o pessoal do Cachambi. Eles vieram ver o balão do Jardel, aqui na Penha e na volta, vieram ver nosso balão. Depois soltamos um 8×7 decorado, novidade na época, pois ninguém soltava balões decorados. Esse levou uma armação do Tutancâmon.


GB: Você acha que, para uma turma nova, com menos de 10 anos foi um erro fazer um Pião de 44 metros?
TC: Não. Até poderíamos ser uma turma nova, mas até chegar nesse balão, fomos seguindo uma progressão com muitos, mas muitos balões pequenos de 6, 8 metros. Aos poucos os balões iam crescendo. Tudo era testado, seus limites conhecidos e só então resolvemos fazer um pião gigante.

GB: Onde vocês erraram neste balão?
TC: Foi a bucha, sem dúvidas! Era uma bucha muito grande. Naquela época não colocava tanto peso nos balões grandes e neste pião, ele foi bem carregado apesar da bandeira ser pequena nos padrões de hoje. Se não falha a memória ele tinha 200 dúzias de foguetes, 800 dúzias de cortadinhos, além claro, da bandeira. Pra você ter uma ideia, consideramos este pião um dos mais perfeitos que fizemos até hoje, mesmo estourando. A cada gomo fechado ele era incansavelmente revisado, conferido. Se não fosse a bucha, ele subiria normalmente e sumiria.

GB: Como foi a parceria e a entrada do Gabriel na Cometa?
TC: Assim como tantos outros, o Gabriel era meu parceiro de resgates. Logo após o fracasso do Pião de 54m que ele fez com a Harmonia (Rei dos Reis), pouco antes de fazermos o Pião de 44, nós fizemos um requerimento a sua esposa para que ele pudesse vir fazer balões com a gente. Ela deixou e ele veio (Risos).


GB: Como foi a expectativa da soltura do Pião de 54 metros em 1990, afinal, vocês dois (Cometa e Gabriel) vinham de tentativas frustradas de soltar um Pião gigante. Houve uma preocupação em que tudo desse errado, afinal, até então ele seria o maior pião do mundo?
TC: Nós nunca fizemos um balão pensando que ele daria errado. É fato que os erros do Rei dos Reis e de nosso 44m foram um grande aprendizado a todos, mas desta vez, procuramos nos focar mais na organização e logística. Ao contrário de muitas turmas até hoje, a Cometa nunca teve um lugar definido para soltar seus balões. Por isso, buscamos um campo legal, seguro e lá fomos soltar nosso balão. Escolhemos a decoração, o Tião (Bruxa) fez o molde e o balão foi feito na casa do Gabriel para que ninguém ficasse sabendo. Deu tudo certo, fomos para o campo, ele subiu e sumiu.


GB: Logo após a soltura do pião de 54m, vocês tiveram outro momento ruim com a queda da boca do 16x3x15 em 92. Onde acredita que erraram?
TC: Por coincidência, o problema novamente foi a bucha. Praticamente a cada ano sempre soltávamos 3 armações e um fogueteiro noturno. No ano anterior, fomos a São Paulo ver a soltura do 16×16 da Emenda. Lembro-me que esse balão tinha uma bucha grande, larga e feita de estopa com parafina. Aquilo impressionou a todos, pois aqui no Rio não fazíamos fogueteiros com tanta bucha. Voltamos ao Rio, nosso balão já estava pronto e decidimos colocar um pouco mais de bucha. Essa bucha ficou um tempão pronta guardada debaixo da bancada e acredito que nesse tempo ela solidificou. No dia da soltura do balão, após acendermos a bucha, ela inflamou de um jeito que mal conseguíamos segurar o balão. O balão tava muito carregado. Acredito que foi o primeiro fogueteiro noturno “carregadão” aqui no Rio. Se o da Emenda tinha 500 kilos o nosso tinha mais de 700. Nós achávamos que o balão ia chegar na sétima gaiola e sentir. Sentiu nada, saiu arrancando tudo sem para e quase não conseguimos acender o estopim. Após a saída do balão, a bucha “inflamadona” e larga acabou tostando o papel e tudo despencou. Deve ter gente correndo até hoje! Até pegamos o balão de volta, mas decidimos botar fogo no balão.

 

GB: Boca de Ouro…
TC: O primeiro e único troféu que ganhamos foi em 83 com a armação do Beija Flor. Naquela época, a ideia era de premiar, a cada ano, todas as turmas com uma Boca de Ouro. Depois que perdemos em 86 decidimos não participar mais. Por muitas vezes nos anos seguintes, apresentamos balões muito mais bonitos que os balões que ganhavam e muitos pensavam que estávamos concorrendo e alguma mutreta nos tirou o título, mas na realidade, nós não estávamos concorrendo.


GB: Como foi o intercâmbio com os baloeiros de São Paulo?
TC: Tudo começou na primeira parte da década de 80 com o Neno (Paulistano). Conversávamos todos os dias sempre por telefone e após meses, ele veio aqui no Rio pegar uns papéis que comprei pra ele do Zeca (Amizade). O engraçado que ele veio aqui no nosso barraco, e ficou um tempão conversando com o Ângelo pensando que era eu e na realidade eu tava fazendo balão no salão ao lado. Depois que acabei o balão, me apresentei, foi engraçado e após a confusão ser solucionada, mostramos o balão que estávamos fazendo pra ele e dali em diante nos tornamos grandes amigos. Através dele conheci muita gente boa em São Paulo e muitos até hoje são grandes amigos. Teve até um pião que ele fez em homenagem ao Jardel e a Turma do Cometa que soltou em São Paulo. Depois ele fez outro e soltou em nossa revoada aqui no Rio em 1986.

GB: Com sua mudança para São Paulo em 92, a Cometa praticamente parou e continuou a fazer seus balões com seus amigos paulistas. Como foi essa época?
TC: Eu fiquei 10 anos em São Paulo e como tudo ficava centralizado na minha casa, a turma praticamente acabou, mas meu amor pelos balões, obviamente não parou por ali. Com o Cabelinho e o Leco que levei pra trabalhar comigo em São Paulo e meus amigos da Vaga Lume, Tutty, Pitchó, Paçoca e Babão, hoje na Sandú Mosaico, fizemos 2 balões ao mesmo tempo. Na bancada de cima o 34m e em baixo o 45. Como o 34 queimou nas guias, a Vaga Lume acabou e “inventamos” a turma da Mania, nome dado a nossa turma na soltura do 45 lá no sítio do Ditinho (Nazaré Pta.) em 99 que caiu aqui em Cabo Frio. Depois desse balão soltamos mais alguns, e voltei pro Rio em 2002.


GB: Como foi a volta da Cometa?
TC: Quando voltei após 10 anos fora, nem tinha intenção de voltar com a Cometa. Não tinha mais a bancada, pois meu pai estava fazendo algumas obras no prédio e onde tínhamos nossa bancada havia muita bagunça. Além disso, da galera da antiga morreram, foram para outras turmas, muitos casaram, se mudaram e pararam. Eu tinha um balão que cortei na bancada da Emenda, um modelado de 22 metros. Como tinha muito material guardado, juntamos com o pessoal da antiga que ainda fazia balão como o Ângelo, o Careca que pegou nossa última armação, a do Michelangelo (1991) e entrou pra turma, o João do Peixe que veio da Tropicália, o Cabelinho que foi pra São Paulo comigo, Gabriel que mesmo com a parada da Cometa sempre tava fazendo seus balões e correndo atrás por ai. Tivemos também a ajuda da galera da Porão. Fizemos esse balão e o soltamos com armação. Ali renascia a turma do Cometa, após 10 anos praticamente parada só vivendo de resgates com o João.


GB: De onde surgiu a ideia de fazer o Lapidado de 47?
TC: Esse balão veio do João. Há muito tempo, ele queria fazer um balão grande e como estava pra completar 50 anos, o Machadinho e o Miguel cortaram esse balão para ser solto como fogueteiro diurno. 10 anos se passaram e com a nossa volta decidimos fazer esse balão. Na hora que fomos fazer o balão, identificamos um defeito nas laterais dos gomos e o Cabelinho fez outro molde que coube dentro do gomo. Com isso o balão perdeu 3 metros. Fizemos o balão em 4 meses. A galera passava a noite toda aqui na bancada e os fins de semana praticamente o dia todinho.


GB: O que deu errado neste balão? A implosão foi mesmo intencional?
TC: Esse balão deu tudo certo. A implosão e abertura em baixa altitude realmente era nossa intenção. O que não esperávamos é que alguns foguetes travassem na gaiola, e por isso, explodiram e as cordas estouraram. As esteiras e gaiolas caíram, o peso aliviou muito derrepente e a boca virou com o deslocamento do papel. Mesmo assim, ele ficou mais de 40 minutos no alto.


GB: Festivais. Até onde esses eventos foram importantes para a Cometa?
TC: No começo, os festivais eram a principal vitrine pra você mostrar o seu trabalho. Ali se reuniam milhares de pessoas e cada turma podia mostrar o seu melhor, nem sempre por um troféu e sim por poder participar. Muita gente apareceu e fez histórias em festivais e na Cometa não foi diferente. Temos orgulho em ter participado de muitos dos festivais da Amizade, Campo Grande, Méier e até organizamos algumas brincadeiras com a presença de muitos amigos.


GB: Ao mesmo tempo em que a Cometa em sua história foi marcada por grandes balões, inesquecíveis armações, ele é marcada por resgates de grandes balões como o 20×20 da Luneta, o 45 da Prata, Pião de 42m da Brasa, o 45m da Só Amigos, 40m da Cortiço e a Bagdá de 60m da BZL, assim como por polêmicas com compra, apreensão de balões e brigas. Afinal, qual é a verdadeira história?
TC: Eu e o Gabriel, por exemplo, sempre corríamos atrás de balão até 2000, 2001, e sempre soubemos que na adrenalina você não tem amigos, você fica cego. Antes quem pegava mais balão era quem tinha mais gente. Se por exemplo o cara pega uma guia do balão e eu a outra, ele ta sozinho e eu com 30 pode ter certeza que eu ia levar o balão. O Gabriel era um mestre em resgates fato que chegou a pegar 4 balões de armação numa noite. Pra ele não havia limites assim como o João faz hoje. Ele aprendeu isso com a gente. Não importa aonde for ele vai mesmo. Ele tem uma mania que, se perder o balão ele vai embora, pois sempre tem uns carrapatos na cola. Gente que se aproveita da situação, sabe que ele chega mesmo e fica seguindo. Muitas vezes, ele, assim como a gente fazia, anda kilômetros, horas com esse povo na cola, e sempre acontece de a gasolina de algum acabar e ele tem que ajudar o povo a voltar pro Rio. Mesmo não pegando o balão a ideia é se divertir. Resgate pra nós é sorte. Pode até ter experiência, dinheiro, conhecer estradas, cidades, mas se tu num tem sorte não adianta. Pode ter 5000 mil pessoas esperando o balão cair aqui. Do outro lado da ponte estar você. Se tiver que ser seu, o balão vai passar e cair no seu colo acredite! 90% é sorte e 10% de conhecimento. Agora se a polícia apreende, você tem que ter dinheiro pra comprar, se ele vai longe tem que ter estrutura pra trazer, se ele é grande tem que ter para soltar, então meu amigo, quem pode mais chora menos. Acredite, tem muita conversa que é mentira.


GB: Vocês recebem muitas críticas porque pegam muitos balões e não soltam. Porque isso acontece?
TC: Veja bem. Nós fazemos e resgatamos muitos balões. Sempre preparávamos tudo pra soltar no começo de maio em nossa chácara. Só que a coisa cresceu de um jeito que a coisa saiu do controle. Na última vez que fazemos isso, tinha tanta gente e tanto balão que fica acumulado. Pra você ter uma ideia, tem balão guardado há mais de 10 anos aqui. Dos gigantes só o 45 da Só Amigos que foi pro lixo porque molhou. Mas em breve, vamos fazer mais uma revoadinha e esvaziar o estoque. Deixa só a criança subir. A molecada vira e mexe solta alguma coisa, mas, por mim, só vão subir mesmo depois do filho do João.


GB: 3 turmas que julgam importantes em toda a história da Cometa?
TC: Turma do Zodíaco do finado Carlinho que era muito inteligente. Era como nosso estilo, sempre preocupado com detalhes. A turma da Amizade que em seu começo, servia de referência pra muita gente com suas armações sempre bem feitas. E a Estrela do Ar de São Paulo que até hoje fazem grandes armações.

GB: 3 baloeiros…
TC: Sempre achei “maneiro” o Edson de Guadalupe. Ele viveu o começo do balão, o meio e a atualidade, sempre com seu talento. O velho Gastão do Méier, um mestre, o Neno, Serginho (Emenda). Aqui no Rio sempre teve grandes baloeiros. Escolher 3 não tem como. Todo mundo aqui era muito bom.


GB: Porque a Cometa não consegue soltar um balão que está há mais de 6 anos pronto?
TC: Pra falar a verdade, a gente que não quer soltar o balão. A decisão mesmo é do João, pois o balão é dele. Nós ajudamos a comprar os materiais, a fazer e acredito que não seja por vaidade, e sim falta de alguma coisa. Talvez ele esteja esperando completar seus 60 anos, afinal o balão dos 50 ele não conseguiu porque a gente “meteu” o estilete no balão (risos). Tem outra Copa por vim, mesmo com duas de atraso quem sabe agora não vai! (Risos).

GB: Quais são as maiores dificuldades em fazer e soltar um gigante?
TC: Pra falar a verdade o balão e o dinheiro nem são os problemas. Hoje, um 2m, um 10, um 60 metros é a mesma coisa. É claro que um 60 metros é mais complicado pra guardar, transportar. O maior problema é o lugar para guardar, pois ele ocupa muito espaço. Antes de fazer um balão deste você já tem que ter um local com condições de guardá-lo e soltá-lo com segurança. O balão grande vai acabar por causa disso. Não vou ser demagogo em dizer que não gosto de balão grande. Eu gosto sim, mas tudo tem um limite. Todo mundo sabe que é perigoso e, obviamente, o que não é o nosso caso, muita gente faz pra aparecer. Por isso não tenho mais vontade de fazer outro gigante e até dei um que tinha pra um amigo. O ego diz que sim, mas a razão diz que não.

GB: Em sua opinião, onde os baloeiros de hoje mais erram?
TC: Eles erram em tudo. Tá cheio de linguarudo, fofoqueiro, caguetas. Querem aparecer mais que o balão. Eles têm que botar na cabeça que a estrela é o balão. Tem muita gente que quer aparecer mais que o balão. Muita gente enche o peito pra falar: “Eu que desenhei”, “eu quem fiz”. Pra mim foi São Paulo que estragou o balão do Rio. Eu falo porque presenciei isso. Quando fui pra São Paulo, só soltavam balões simples, pequenos, Marias Pretas. Depois que começou a vender balões cortados a coisa desandou. Aqui no Rio antigamente, ninguém comprava balão. Todo mundo pegava as folhas, emendava, cortava, fazia lanterninha, castiçal, as fogueteiras, as bombas. Você fazia seu desenho, sua armação, você fazia seu balão. Depois que começou a industrializar, acabou o balão. Se hoje, por exemplo, eu quero fazer um balão, eu ligo para um cortador, compro o corte, o projeto, as lanternas, a boca, contrato alguém pra fechar e se bobear até para soltar. Hoje em 1 semana você, pagando faz tudo isso. Na nossa época, em 1 semana a gente fazia um 9×9 armação com toda a mão de obra vinda no nosso barraco. Isso veio de São Paulo. No começo tinha muita gente boa em São Paulo como a Amizade, Zeppelin, Emenda, Severa Albatroz, Estrellar, Naypes e por ai vai. A coisa evoluiu muito. Hoje você vê os balões de São Paulo e eles são 10mil vezes melhores que os do Rio de Janeiro. Mesmo assim continuam pecando em muitas coisas como o tamanho e quantidade dos desenhos, a proporção, a distribuição das cores. Balão de São Paulo é pesado, poluído. Cansa de ver. Na bancada o balão é lindo, mas quando enche você não entende nada. São raros os balões que não são assim.

GB: Como a Cometa vê os balões e festivais sem fogo.
TC: Com certeza é a salvação do balão. Pois através dos BSF você pode, às vezes soltar um com “foguinho” (Risos). Se tudo der certo, poderemos voltar a fazer com calma, sem se esconder, sem ser taxados como ladrão, como uma quadrilha. Mesmo com a lei de 98, eu nunca pensei em parar. Nunca acreditei que a lei fosse “pegar”. A gente só se preocupa quando vem a repressão em junho porque o bicho pega. Depois tudo volta ao normal e a vida continua. “Vamo que vamo”

GB: Pessoas que fazem falta…
TC: Nós vivemos uma outra época. Mesmo que pegássemos alguns amigos que pararam, não seria a mesma coisa, não teria o mesmo pique. A vida é diferente pra todos, até pra mim. Naquela época eu não tinha porr… nenhuma. Meus pais davam dinheiro e eu gastava a vontade. Hoje tenho 3 filhos, família, trabalho e não dá pra voltar no tempo. Tem material, dinheiro. É até mais fácil. Mas falta tempo, pique. A molecada tem talento. Aqui na Cometa tem muita gente boa que se fosse há 20,30 anos atrás tava no hall da fama do balão como tantos daquela época que são lembrados até hoje.

GB: A Cometa ontem, hoje e no futuro…
TC: A Cometa virou lenda. Esse é nosso lema. Vivemos uma época e vivemos dela até hoje, como a Turma do Cachambi é uma lenda, Méier, Amizade e tantas outras entraram para a história. Fizemos tudo que quisemos fazer. Não preciso de mais nada.

GB: Agradecimentos:
TC: Agradeço a vocês pela presença. Eu sempre relutei em fazer uma entrevista, contar a nossa história. Às vezes por vaidade. Mas quando você começa a falar de coisas boas, relembrar sua vida, seus amigos, suas aventuras, é muito emocionante! É bom de mais. Valeu!

GB: Agradeço em nome de todos os baloeiros a você Manelzinho, João, Gabriel, Cabelinho, Alan e a todos da turma do Cometa pela recepção e dedicação de todos que vestiram essa camisa em mais de 34 anos de amor a arte dos balões. Obrigado.

Mande seu recado:

  1. João - Pega Leve-RJ disse:

    Tenho pouco mais de dez anos de balão e quando ouço falar da Cometa, sinto o peso do nome, as histórias são sempre meio fantásticas, cercadas de mistério… acho que o Manel resumiu bem “A Cometa virou lenda”!
    Por falar em lenda esse filho do João já tirou noites de sono de muita gente… eu nem acredito mais quando falam que “vai subir amanhã” hehe… No dia que for “a vera” eu não vou acreditar e vou ver algum maria preta na esquina de casa!
    Abraços!

  2. Toninho Alvarenga disse:

    Espetacular a entrevista com o Manoelzinho, eu uma vez fui apresentado para ele numa das visitas que ele fez a SP e deu uma passada na bancada, faz tanto tempo que nem lembro da fisionomia dele, e garanto que nem se lembra desse dia, mas nunca esqueci, porque sempre comprei fotos, na R. Vergueiro no Foto Wada, fotos dos balões de vocês e outras grandes turmas do Rio, bonita entrevista um passado de ouro, tempo que não pode ser esquecido parabéns Dinho bela reportagem. Um abraço para todos os integrantes dessa grande turma Toninho Alvarenga.

  3. Flavio disse:

    Bela entrevista a Cometa com certeza e uma turma de grande história , n tem como se negar isso, mais infelizmente não concordo com o final da entrevista no qual foi mensiomado que São Paulo que estragou o Balao , acho essa afirmação sem nenhum nexo, ate hoje foi em São Paulo que subiu o maior Pião o maior Fogueteiro entre outros, acho q o que pode acabar com o Balao e o Resgate sem duvida, e quando foi mencionado sobre Balões com muitas decorações fica poluído acredito que não, hj com a modernização e computador não tem como fugir disso.

  4. Fernando disse:

    “Mesmo assim continuam pecando em muitas coisas como o tamanho e quantidade dos desenhos, a proporção, a distribuição das cores. Balão de São Paulo é pesado, poluído. Cansa de ver. Na bancada o balão é lindo, mas quando enche você não entende nada. São raros os balões que não são assim.”

    FALOU TUDO…
    E POR ISSO QUE TENHO SAUDADES DESSA ÉPOCA, OBRIGADO COMETA.

  5. no turma anjos da noite disse:

    barabens dinho pela entrevista essa turma tem historia pra essa turma eu tiro chapeu quando eu comecei em 87 eu me espelhei munto neles um abraçooooooooooooooooooooooo

  6. MAURICIO JOVENS DO CEU RJ disse:

    COM CERTEZA JA FIZERAO MUITA COISA BOA
    ISSO SERVE DE INSPIRAÇAO PRA MUITA GENTE

  7. animal usm sp disse:

    o que falar sob a cometa . des da infancia que via vitas vhs com baloes inesqueciveis como o piao 54 metros editada com a musica do led zeppilin eas armaçoes inesqueciveis chacrinha miquelangelo e folclore brasileiro . qual baloeiro nao queria ter a metade da historia da cometa sem esquecer os resgates .um abraço a todos amigos da cometa animal usm sp

  8. Dinho Embalo disse:

    Valeu português !!!! Show de bola a entrevista !!!! Agora essa porra de que São Paulo estragou o Rio e que os balões de lá estão poluídos igual ao Rio Tietê vai dar merda e tb o que falar kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

    Eu tenho uma ideologia e opinião sobre os balões de hoje em dia, tanto em São Paulo quanto aqui no Rio. Os balões modernizaram, os desenhados são lindos, só que se transformaram em uma coisa muito repetitiva, até pq quem faz os leques “”Verdadeiros Artistas na minha opinião”” tem um estilo próprio que não mudam ou tentam criar novidades e os balões depois de soltos, 2 dias se passam e ninguém lembra mais de nada do balão, hoje em dia o balão de antigamente quando e solto tipo o último fogueteiro da Caravela simples com poucas cores e lindo demais ficam em nossas mentes por muito mais tempo que qualquer riscadão. Mas respeito o modernismo e acho que é valido só não enche mais meus olhos, mesmo tendo um rsrsrs.

    Valeu Manel !!! Show de trajetória da Cometa…

    Att.
    DINHO

  9. Dinho Embalo disse:

    Show de entrevista

  10. Turma 49(Seropédica-RJ) 20 anos de alegria pela arte. disse:

    Quando organizamos e realizamos alguns festivais e revoadas ficava imaginando a presença da turma do cometa no festival, para que pudéssemos conhece-los. No entanto, só conheci quando iria vê-los soltando ou resgatando balões. Sou alucinados pelos trabalhos desses caras, parabéns e até um dia qualquer a gente se esbarra por aí.

  11. zeu Fundo de Quintal disse:

    Que baita show de entrevista. Sempre tive a curiosidade de saber a história de uma turma grande como a Cometa.
    E agora vejo que se depender deles o balão vai seguir por gerações e continuar vivo.
    Os sessentões ainda com esse pique para colar a barriga na bancada e fazer esses gigantes que tanto mexem com nossas cabeças.
    Parabéns pela entrevista e à Cometa por nos dar esse exemplo de vida dos balões.

  12. CARLITO - JÓIA RARA disse:

    Poxa que linda historia, a mãe e a tia faziam balão, que epóca maravilhosa gostaria muito de ter vivido nesse tempo, fico imaginando como foi isso. Parabéns pela trajetória, só temos a dizer muito obrigado COMETA e tbm a outras turmas importantes por ter nos proporcionado esses feitos, pois nossas inspirações são vocês.
    E concordo quando ele diz, “que o baloeiro quer ser mais importante que o balão”.

  13. Tidi da estinta turma da 25 caxias disse:

    pow muito show a entrevista peguei esse auge da cometa inclusive eu tava na boca do 9×9 da sereia muito loko parabens a vcs todos da cometa muito bom relembra essa epoca abraços a todos.

  14. CORINGA disse:

    esta turma fazia coisas dos deuses em baloes na epoca do berco do balao! so quem viveu a epoca p ter uma ideia! Na minha opniao esta e a melhor turma q existiu desde o inicio das turmas de baloes!!! Parabens a Cometa e ao Manelzinho.

  15. Dinho Embalo disse:

    Amigos eu li hoje cedo o que escrevi sobre a crítica construtiva que o Manel fez sobre a poluição visual de alguns balões riscados, e fiz uma brincadeira comparado ao Tietê foi brincadeira hein rsrs, contudo percebi que pode ter dupla interpretação, conheço o Manel a anos e sei que o cara fez uma colocação sincera sem sacanagem, e eu somente brinquei com isso, não levem de forma negativa que não foi a intenção.

  16. Alex Pina disse:

    Com certeza uma grande turma com grandes balões soltos, mas muito balão deu errado como ele mesmo diz na entrevista, fora os que não foram citados,tá certo que só erra quem faz mas tem equipes que já fizeram tantos balões quanto eles ou mais e não teve tanto erro, apenas minha opinião.

  17. Suvaco / Balomanda disse:

    Concerteza a Cometa fez sua história, e que bela história …parabéns a todos show de entrevista

  18. Paulo CSJ disse:

    parabéns pela entrevista GB… uma lenda do balão e uma das turmas que mais gosto no RIO…. parabéns

    abraços

  19. ALÊ LOCO disse:

    E ai Manuel blz , parabéns pela sua história isto é pra poucos , eu te conheci no pião de 72mts da Sandu o rato que me apresentou a tu um cara gente fina abçs ALÊ LOCO TURMA DA CANTAREIRA.

  20. flavio disse:

    oi pessoal da gazeta vcs querem mesmo matar a gente pow cara é muita saudade ve esses baloes todos q maravilha cara me da ate um aperto no coraçao so de ve esses baloes que o tempo nao volta mais eu vou morrer muito triste de nao ver meu filho baloeiro que nem eu fui podem falar o que quiser mais eles foram sinistro no baloes mandaram muitos laoes bons eles sao uma raridade pra mim valeu. cometa ai gazeta na proxima reelembra a turma da amizade e outra pioneira no balao 21 festival do zeca da amizade se puder vai ser showobrigado e desculpas com o erro ortografico e preguiça mesmo de acentuar ok

  21. Edu - Praça Aeroporto SP disse:

    Pra mim é fascinante ler histórias como essa depois de tantos anos acompanhando essas turmas em álbuns e fotos.
    E eu sempre me pergunto: será que essas turmas que se destacam hoje e que não viveram épocas como a Cometa e tantas outras viveram serão lembradas não só pelos seus balões, mas também por sua base, por seus integrantes e histórias de peso?
    Parabéns a Cometa pela grande trajetória e por belíssimos balões.
    Grande abraço,
    Edu – Praça Aeroporto, SP

  22. Edu Turma do Tropeço disse:

    Parabéns á Cometa e á todos q fazem e fizeram balão no Rio de Janeiro, local onde serviu e serve de inspiração pra muita gente, aliás tudo que aparece de novidade surge do Rio. Concordo com o Manoel ,qdo fala sobre “balão poluído”, sempre falei sobre isso,mas o baloeiro hj em dia só quer concorrência. Essa enquete sobre o melhor desenhista, já contribui pra isso! Ainda prefiro a simplicidade dos balões,nada desses balões cheios de frescurinhas, como adornos e adereços.Balões estes q ficam meses e meses pra serem feitos dai qdo dá uma merda, a turma acaba.
    Bem, voltando ao assunto! Parabéns mais uma vez pra turma Cometa. Manoel, Cabelinho e Gelson em especial.
    Do amigo Edu… ( ex-ESTRELLAR)

  23. malandro razão de criar sg rj disse:

    aio no meus tempos de moleque quando eu via as fitas de balão a turma do cometa ,eu ficava doido velhos tempos .a materia e show

  24. leandro disse:

    Fantastico!!!!

  25. Adriano - ATIVIDADE disse:

    ola amigos do gazeta!sem duvida a turma do cometa é uma das melhores do brasil,com uma historia realmente muito original,e na minha humilde opinião sempre esteve e sempre vai estar entras as melhores do rio e do brasil.espero ainda poder ver muitos balões da turma do cometa

  26. Rogerio da União de Nova Iguaçu RJ disse:

    Me lembro de quando eu era moleque e soltava muitas marias pretas e resgatava umas outras em jpa ali na curicica aonde eu morava na minha infancia a uns 20 anos atras e muitasdas vezes em uns desses resgate eu e minha turma nos encontravamos a cometa ali em vargem grande, vargem pequena, Rio centro, barra da tijuca,recreio etc…,ai já viu éra azar na certa kkkkkk, mas como que naquela época o ceu ficava estrelado de baloes sempre resgatavamos uns tres a quatros nos fins de semanas isso sim que era bons tempos, muita saudades dos velhos tempos…

  27. BORÉU - EVOLUÇÃO disse:

    Parabéns Cometa por tudo que faz fizeram e fazem no meio do Balão, saiba que muitas pessoas que fazem balão hoje começaram a fazer por ver os belos trabalhos seus.
    Espero um dia conhecer pessoalmente o pessoal da cometa.
    Gostaria de ver novamente a Turma soltando os belos paineis.

    Abraços

  28. Marcos Gota disse:

    Belíssima entrevista com uma pessoa fantástica. Fui na bancada da cometa levado pelo grande amigo Jorginho da Ouro Preto, e conheci o Manuelzinho que me tratou como se eu fosse um grande amigo, sem vaidade nenhuma. Ficamos algumas horas conversando e fiquei encantado com suas histórias. E esse pião de 54, pra mim foi o mais significativo solto até hoje., fora as armações, que sempre fui apaixonado. Um grande abraço pro Manuelzinho e Parabéns Dinho pela entrevista.

  29. E.B disse:

    showwww realmente a cometa fez e faz historia ate hoje…gostei de terem lembrado do grande jardel q tamben foi a inspiração pra muitos baloeiros….saudades daquele velho
    …..julio….

  30. Leandro Gemeos (Pintando o Céu Projetos) disse:

    O que falar da Cometa?
    O que falar do Manelzinho, do Gabriel, do Gelson, Cabelinho, João, Cone, Careca…
    Eu posso falar que sou amigo de muitas lendas… e esses caras viraram lenda.
    Sensacional Matéria.
    Abraços

  31. Wilber disse:

    TC: Eles erram em tudo. Tá cheio de linguarudo, fofoqueiro, caguetas. Querem aparecer mais que o balão. Eles têm que botar na cabeça que a estrela é o balão. Tem muita gente que quer aparecer mais que o balão…Aqui no Rio antigamente, ninguém comprava balão. Todo mundo pegava as folhas, emendava, cortava, fazia lanterninha, castiçal, as fogueteiras, as bombas. Você fazia seu desenho, sua armação, você fazia seu balão…Em São Paulo como a Amizade, Zeppelin, Emenda, Severa Albatroz, Estrellar…A coisa evoluiu muito. Hoje você vê os balões de São Paulo e eles são 10mil vezes melhores que os do Rio de Janeiro. Mesmo assim continuam pecando em muitas coisas como o tamanho e quantidade dos desenhos, a proporção, a distribuição das cores. Balão de São Paulo é pesado, poluído. Cansa de ver. Na bancada o balão é lindo, mas quando enche você não entende nada. São raros os balões que não são assim…
    DISSE TUDO !!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!
    Sem julgamentos,mas sim agradecimentos por ter vivido essa época.
    TURMA DO COMETA…Meu muitíssimo obrigado pela trajetória,pela história,pelos seus balões !!!!!!!!!!!!
    Senti falta de um balão aí nessa fotos: O 9×9 da armação da Gueixa,mais um espetáculo dentre tantos outros.

    Grande abraço.

  32. luciano T2O disse:

    cometa ta entre as turmas q sao referencia no balao pra sempre, cometa, amizade, cachambi , meier , 90 % do que fazemos hoje no balao, foi inventado por essas lendas .

  33. robsom.....turma novo tempo disse:

    boa tarde
    o propio manelzinho enfatizou bem…..a turma do cometa virou lenda…. so que que uma lenda que ninguem quer esquecer
    os caras estao com o nome escrito na historia dos baloes.
    eu sou de uma cidade que tem 3 amigos e visinhos que fazem e fizeram parte dessa ilustre turma
    primeiro o tuninho piroca que faz parte ate hoje da turma
    segundo o luis careca que foi da turma por varios anos, e um mestre nos resgates
    terceiro foi o ja falecido , o saldoso manel que me levava quando moleque novo para conhecer como se fazia baloes na bancado
    la na vila da penha, o pessoal me zoava pra caramba tambem fui a varias das revoadas em primeiro de maio na chacara de iraja
    sem contar com o 34m noturno que roletou , corri muito.
    o maneuzinho deve se lembrar do manel …o cara nao fazia balao, mais zoava o tempo todo e nao saia da bancada
    me levou pra ver muitos baloes da cometa.
    um grande abraço a todos………meu ultimo desejo e ver o filho do joao………..mais um pra virar lenda…..kkkkkkkk

  34. k.oliveira disse:

    falou a mais pura verdade!!!…a melhor entrevista de todas…

  35. Ronaldo disse:

    Linda entrevista…

    Eu e meus irmãos recortávamos com tesoura em volta dos balões, as figurinhas do álbum “todos os balões 2″ para brincar de festival no chão da sala. Me lembro que eu só recortava os balões da cometa, era minha turma favorita.

    Depois de anos pude ver o primeiro balão deles, o painel comentado na entrevista de 22 metros, ajudei bastante a acender as velas dos copinhos, até hoje tenho aquela bolsa amarela feita de tnt com a logo da cometa que foi dada no dia da soltura.

    Abraços!!!!

  36. tim e amigos poa disse:

    essa é pramim a melhor turma do rio ,não tem pra niguem sou fá dos caras sempre acompanhei os balão deles são demais ,quando fazia parte da turma balaoema junto com pascoau e compania ficavamos soutando pipa em frente a sede e o manuéuzinho ficava com a gente soltando aqueles pipas muito louco ,tenho saldade da época,porque ficava com as portas da sede aberdas e soutando pipas ,ai maézinho fas tempo que não u vejo mas vai se lembrar da minha pessoa um abraço a todos da turma do cometa tim maia

  37. clodoaldo sales.turma sales n.iguaçu.RJ disse:

    Dinho agora vc esculachou ,a cometa é sem dúvida a maior do Rio e uma das maiores do país junto com a emenda e outras.muitos não entenderam quando ele diz que s.paulo estragou o Rio,foi pq aí em S.P. começou a vender tudo pronto,e isso eu concordo com ele,lugar de baloeiro é na bancada ,até aquí no Rio tá subindo balão vindo daí e eu acho um absurdo.
    Na verdade é q muitos baloeiros gostam é de soltar balões não de fazer,hoje a paixão ficou de lado.Meus parabens pra cometa e ao manél um abç ,ele vai lembrar de mim,pois eu levei a pedido do bacalhau,as fotos do 47 pra ele no valqueire ,lembra manél?
    COMETA LENDA VIVA DO BALÃO.Valeu Dinho

  38. Leandro disse:

    vcs lembram da turma da garra da penha circular ?? eles não faziam gigantes, faziam balões de 6 a 15 mts, mas a armação deles eram show .

  39. Duda Turma Águia Rio disse:

    Show a entrevista do manel….
    Eu sou amigo particular dele,sei a pessoa maravilhosa que ele é…..Realmente muito legal ler essa entrevista …..
    Abraço a todos…..

  40. clodoaldo sales.turma sales n.iguaçu.RJ disse:

    Quanto ao FLAVIO,ele não entendeu a entrevista,o Manel disse q sp estragou foi pq o comercio aí tá demais e vem até pro Rio,a maioria dos comentários é que se compra tudo pronto.não tem nada haver falar q aí subiu maior pião,fog e outras coisas até pq tudo começou aquí,e quanto a poluiçao de desenhos.até os paulistas acham,tem balão que é difícil até de entender os desenhos e não é por causa da modernidade e computador é por causa da vaidade,da disputa.no computador se faz projetos lindos como o mod 24 da alfa aquí do Rio,o 12m da fenix aí em sp e mts outros,sem precisar fazer aquela embolação q mts acham lindo.
    Equanto ao ALEX PINA,grandes turmas como a cometa tá sujeito a erros pelo tamanho dos balões,a própria emenda mas da metade dos balões deu problema,principalmente os últimos e mesmo assim ela é a melhor de SP por tudo q fez.
    turmas como cometa,emenda,naypes,casarão meier,jurema,cortiço,brasa e outras gigantes da orgulho de ver,o problema é q mts optam pela inveja.valeu cometa

  41. CADO TURMA DO MUTRETA CAMPO GRANDE RJ. disse:

    ADOREI A ENTREVISTA,ESCUTO FALAR DA TURMA DO COMETA DESDE A MINHA INFÂNCIA QUANDO MORAVA EM GUADALUPE,TAMBEM TIVE O PRAZER DE CONHECER O SR. EDSON DA BRICIO FILHO, DAVI DO DENDECA E O SR. ANTÔNIO RUSSO DO CAMBOATA E OUTROS
    DEPOIS ME MUDEI PARA CAMPO GRANDE E CONHECI O SR. CARLOS MAIS CONHECIDO COMO CARLINHO MUCHACHO DA ANTIGA TURMA FANTASMA, E CONTINUEI ESCUTANDO FALAR DE COMETA, ATE MESMO PORQUE A COMETA CHEGOU A SOLTAR BALÕES DA ESTRADA DO CAMPINHO EM UM SÍTIO PRÓXIMO AQUI DE CASA,NA ÉPOCA COMENTAVAM MUITO SOBRE OS BALÕES DA COMETA. TINHA TAMBEM O CONI QUE FAZIA BALÃO AQUI NO BAIRRO, COM O SR. CARLOS, O ANTÔNIO,O JORGE E O NELSON, ESCUTEI VÁRIAS HISTÓRIAS FAZENDO BALÃO COM SR. CARLOS,ANTÔNIO JORGE, CARLITO,CANELA E O TATONHO, INCLUSIVE QUE O CONI SEMPRE FALAVA QUE UM DIA IRIA FAZER PARTE DA TURMA DO COMETA.DEPOIS FOMOS FAZER BALÃO EM PACIÊNCIA COM O BAPTISTA DA TURMA DO 7, QUE DEPOIS VIROU TURMA DO MAGO E LA ESCUTEI OUTRAS HISTÓRIAS DA TURMA DO COMETA.

    ABRAÇO AOS AMIGOS .

  42. RAIOS DO SOL - Binho disse:

    CONHECI MANOEL, CABELINHO, POIS NA ÉPOCA ERA BALOGRAFO, TENHO PRATICAMENTE FOTOS DE TODOS OS BALÕES DA COMETA CHEGUEI ATÉ IR NA BANCADA LOCALIZADA NO BAIRRO DA LAPA – SP, NA QUAL ESTAVAM FAZENDO UM 18MTS COM TEMA JAPONES SOLTO NO CAMPO DA VILA PIAUI. CHEGUEI A IR EM UM SALÃO NA QUAL ESTAVAM MONTANDO UMA DAS GAIOLAS DO 45 AQUI EM SAMPA, PARABENS PELA ARTE E PELA ENTREVISTA.

  43. José Antonio - Turma da Ouro Preto..... disse:

    ÓTIMA ENTREVISTA. TURMA DO COMETA,TEMOS UMA TRAJETÓRIA PARECIDA.MANELZINHO,GABRIEL,CONVIVEMOS NUMA ÉPOCA BOA.
    NA OCASIÃO, MAIS PRECISAMENTE EM 1977,FUNDEI A TURMA DO SERENO DE CASCADURA,HOJE ESTOU NA TURMA DA OURO PRETO.
    PARABÉNS PELA ENTREVISTA E PARABÉNS PARA A TURMA EM ESPECIAL PARA MANELZINHO…

  44. miguel turma show em cores rj disse:

    cometa e cometa e como se fosse os professores do balao nao presenciei muitos baloes da cometa subir mas o que vi subir vi subir com perfeiçao e segurança e sempre os caras que nem precisa falar guiando os baloes.perfeitos.abraços e que soltem seu gigante na moita sem muvucada para nao dar alvorosso na soltura.soltem para voces hoje em dia nego quer muvucar nao apreciar.façam igual ao titata aveso ao leandro da loucos e muitos outros nao da pra ficar espalhando onde vai subir o balao.baloeiros se conformem e façam o seu e solte.

  45. Alex Pina disse:

    Clodoaldo Sales:
    Respeito sua opinião e tenho certeza que respeitará a minha, quanto a INVEJA que você diz, fica por sua conta, pois EU não tenho porque ter esse sentimento, pois sou apenas uma adimirador dos balões, meu tempo já passou e mesmo quando estava na ativa me preocupava com os MEUS balões e sempre usei as grandes equipes como inspiração, apesar de ter participado de 2 grandes turmas aqui de SP, quanto ao meu comentário, repito, trata-se apenas da minha opinião, não sou dono da verdade.
    Acho que esse site NÃO foi feito esclusivamente para baloeiros que estão na ativa, acredito ser um site para todos que adoram os balões e gostam de dar opinião sobre nossa arte, não é porque eu não sei jogar bola que eu não posso gostar de futebol!!!

  46. Tevezz- Nosso Vicio disse:

    Um Grande fato que também já percebi (mesmo por fotos ou vídeos)..
    “A coisa evoluiu muito. Hoje você vê os balões de São Paulo e eles são 10mil vezes melhores que os do Rio de Janeiro. Mesmo assim continuam pecando em muitas coisas como o tamanho e quantidade dos desenhos, a proporção, a distribuição das cores. Balão de São Paulo é pesado, poluído. Cansa de ver.”
    Podem perceber que os balões daqui do rio não tem muitos detalhes,são mais “simplesinhos” e com pouca bucha !Admiro muito isso…Detalhes não significa nada.O que importa é não deixa a arte morrer por conta de força maior…

  47. Renan Sigilo & Arte Rio De janeiro !! disse:

    A COMETA FOI E CONTINUA SENDO A PIONEIRA DOS BALÕES CARIOCA COMO MUITOS QUE MERECEM MUITO RESPEITO COMO O IVO PATROCINIO O PAULINHO CARRAPATO, O FINADO ZECA E MUITOS OUTROS MITOS DE NOSSA ARTE !!
    NÃO TENHO MUITA IDADE TENHO APENAS 23 ANOS MAIS PELO ANDAR DA CARRUAGEM DO JEITO QUE ANDA AS COISAS NOSSA ARTE ESTAR ENTRANDO PELO CAMINHO DA EXTINÇÃO !!
    NÃO EXISTE MAIS O RESPEITO ENTRE OS BALOEIROS EXISTEM SIM RIVALIDADE COISA !!!
    NÃO PRECISAMOS FAZER BALÕES GRANDES PARA AFRONTAREM OUTRAS TURMA QUE FEZ UM JUNINO MAIOR TEMOS QUE FAZER POR AMOR ARTE !!
    TAMANHO NÃO IMPORTA O QUE IMPORTA E O AMOR PELO PAPEL !

    ABRAÇOS A UMA ARTE QUE FIZ MUITAS VERDADEIRAS AMIZADES NO RIO E EM SAMPA QUE SEJA ETERNO ENQUANTO DURE ESSE AMOR !!

  48. Arte Prazer disse:

    uma bela entrevista com uma grande turma que cresci com poster dos balões da cometa colado em meu quarto, mas agora dizer que os balões de sp são poluidos e dificil de se entender, desculpe mas as coisas andam e quem fica parado vive de resgate né, digo sim que tem alguns balões daqui que exageraram nos desenhos assim como vejo no rio tambem, agora ficar generalizando as coisas me desculpe mestre manel, mas o assunto decoração é uma coisa muito particular assim como vcs acham isso, eu tambem acho que enjoa fazer trocentos balões com times de futebol pois cada fim de semana sobe uns 30 ai do rio, é botafogo, fluminense, vasco e flamengo, tem gente que só solta balão de time, isso é de cada um, eu não faria balão de time, mas vcs do rio gostam, blz, agora dizer que detalhes não são nada, me desculpe mas detalhes que diferenciam artistas de coladores de papel, me desculpem de quem não gostou de ler isso, mas quem escreve o que quer as vezes vai ler o que não quer blz, fiquem todos com Deus.

  49. João - Namorados da Lua - Suzano disse:

    Falar da história do futebol Brasileiro e não falar de Pele Zico Socrates Ronaldo e outros não é falar de futebol. Falar da história do balão e não falar desses caras e suas turmas não é falar da história do balão. Alem dos seus feitos tem a simplicidade de lembrar e exaltar outros que ajudaram construir a historia. PARABENS E COM TODO LOUVOR. ESTAMOS ESPERANDO UMA ENTREVISTA DO TATI. esse tem historia pra contar.

  50. PAULINHO- GNBPAIXAO disse:

    GRANDES AMIGOS, MANEL, GELSON, CABELO, QUE HISTÓRIA, ESSES SÃO PROFESSORES DA ARTE.
    GRANDES MESTRES DO BALAO JUNINO!
    PARABÉNS
    ABRAÇOS PAULINHO

  51. José Manoel - União e Arte SG RJ disse:

    O amigo Manelzinho assim como todos os que participaram da Turma do Cometa marcaram com os seus acertos e erros os balões na cidade do Rio de Janeiro e cidades vizinhas.
    A grande virtude desta arte : fazer e reunir amigos com uma meta definida e demonstrada usando papel e cola.
    A significativa ferramenta para o espetáculo : o maçarico
    A melhor época ( décadas de 80 e 90 ) : o aperfeiçoamento na confecção das armações, dos moldes e as solturas em qualquer lugar.
    O principal de tudo: a paixão pela arte !!!

  52. clodoaldo sales.turma sales n.iguaçu.RJ disse:

    Alex Pina,respeito sim a sua opinião me perdoe se de certa forma te ofendi,e quanto a inveja,foi para alguns aquí do Rio
    pois nesse painél do portinari,ví coisas que eu achei absurdo pra quem diz q gosta de balão.
    um abç

  53. Rafael Felipe (Arte Caixa RJ) disse:

    Não tenho contato com ninguém da turma, mas já estive bem próximo de alguns integrantes, e vi o quão dedicados esses caras são. A grosso modo posso dizer que não sou mais um menino no mundo dos baloeiros, e, sem duvidas muita coisa se renovou por conta do talento de coletividade dos mais antigos afim de melhorar não só a confecção como também a qualidade nas solturas.
    Muito se evoluiu com o passar do tempo, e sendo assim muitas pessoas buscaram novos caminhos para o preparo de seus projetos.
    Sou adepto do projeto feito a mão e a elaboração de tudo o que envolve o meu “junino”… essa história de comprar projetos, mandar fazer malha, rede de bojo, de boca e tantas outras coisas comigo não rola! Vou em Madureira ou no Pinto na Pavuna, compro de tudo e mando ver! Quero agradecer mais uma vez a Gazeta por esta bela história e a todos da turma do Cometa por sua participação em todos esses anos dedicados a arte.
    É preciso conscientizar há todos que querem fazer os “gigantões”, e mostrar que o conhecimento é a base de tudo! Saúde e paz a todos Participantes dessa bela restróspectiva, ao qual acabei de participar.

    (Muito emocionante mesmo! Que escola…)

  54. Lucchio disse:

    “uma bela entrevista com uma grande turma que cresci com poster dos balões da cometa colado em meu quarto, mas agora dizer que os balões de sp são poluidos e dificil de se entender, desculpe mas as coisas andam e quem fica parado vive de resgate né, digo sim que tem alguns balões daqui que exageraram nos desenhos assim como vejo no rio tambem, agora ficar generalizando as coisas me desculpe mestre manel, mas o assunto decoração é uma coisa muito particular assim como vcs acham isso, eu tambem acho que enjoa fazer trocentos balões com times de futebol pois cada fim de semana sobe uns 30 ai do rio, é botafogo, fluminense, vasco e flamengo, tem gente que só solta balão de time, isso é de cada um, eu não faria balão de time, mas vcs do rio gostam, blz, agora dizer que detalhes não são nada, me desculpe mas detalhes que diferenciam artistas de coladores de papel, me desculpem de quem não gostou de ler isso, mas quem escreve o que quer as vezes vai ler o que não quer blz, fiquem todos com Deus.”

    Concordo com o amigo da Arte Prazer, faço de suas palavras as minhas, Perfeito!

    Admiro e respeito todas as turmas das décadas de 80 e 90 ao qual cresci e convivi na melhor época do balão, cresci ao lado da Luar de Vila Sonia, aprendi muita coisa com eles, sou grande fã de várias turmas do Rio, SP e PR. Mas o tempo passa e tudo evolui, os balões de hoje são sensacionais, de fato há alguns poluídos, mas na grande maioria são lindos, tbm não gosto de quem compra tudo, mas isso não é uma exclusividade de SP, aí no Rio tem muitos tbm!!!

    Abs a todos os artistas de verdade.

  55. Ricardinho (ex-porão) disse:

    Valeu Manel, pela trajetória e a todos que são e foram da turma em especial ao amigo Gilberto. Vale lembrar a armação do COELHO solto pela ainda turma do BACALHAU que subiu ai, onde é o predio. Quero ressaltar que das lindas fotos acima, o balao a direita do pião da brasa, foi feito por nós na Neblina é um 17 x 4 x 15 um belo fogueteiro com a participação do falecido Jardel e ajuda na soltura da turma da Bola.
    Quando era integrante da turma da touca branca tive a alegria de dividir o campo na soltura de armação com a cometa e neblina no mesmo dia. sabe o que é 3 armações no mesmo lugar. A Av. Meriti parava. Era uma epoca maravilhoza, estava faltando flecha vai na cometa buscar, acabou o rami o nelsinho (turma da vila da penha) tem, vai usar cascata pedi na neblina. Esse convivio com as turmas do mesmo bairro era muito bom, pena que não aconteçe mais. Hoje vc vai na bancada de alguem conhecido ate enconte o leque do balão.
    è uma pena que os integrantes da antiga cometa tenham se afastado. E como o Manel falou, a vida mudou para todos nós.
    Parabens Cometa pela linda história no meio do balão. Um abraço aos amigos: Cabelinho, Hulk, Miquinho e Serginho niteroi (sumido).
    Um viva para os baloeiros que fazem da sua arte um meio de colecionar amigos e não fazer dela um meio de auto promoção. È como foi dito na entrevista a ESTRELA É O BALÃO.

  56. Marquinho - Galera de São Mateus disse:

    Valeu Manel.
    Entrevista Show de bola, presenciei muitas solturas citadas na entrevista, bons tempos quem viveu sempre vai ter saudade. Muitos anos de vida e de balão para todos integrantes da Cometa.

  57. Velasco Sucesso RJ disse:

    “Mesmo assim continuam pecando em muitas coisas como o tamanho e quantidade dos desenhos, a proporção, a distribuição das cores. Balão de São Paulo é pesado, poluído. Cansa de ver. Na bancada o balão é lindo, mas quando enche você não entende nada. São raros os balões que não são assim.”

    A verdade tem que ser dita , falou quem entende muito do assunto !!!
    Claro que sem tirar o valor do trampo de quem faz , mais sao muitas cores
    e pouco conteudo !

  58. Dinho Embalo disse:

    Turma do Cometa, realmente foi e será sempre uma grande Turma, conheci a Turma em outra época, uma época da Turma muito legal para mim e meus amigos, onde os Baloeiros podiam frequentar as bancadas de amigos sem restrições ou problemas com a repressão, a formação da Turma na época que eu conheci era outra, quase todos os sábados das temporadas dos balões eu e alguns amigos íamos na casa do Manel comprar papéis fino Riacho porque ele havia pego uma representação de SP, o Manel sempre foi parceiro e sempre convidava a gente para ficar no barraco, lá tive o prazer de conhecer e virar amigo de quase todos os integrantes que eram show de bola, Marcelo XUXA parceirão, pena que nunca mais o vi, Mico ou ( Miquinho ), Machado sempre brigando com o Manel (pilhas), o grande Hulk um trabalhador na Turma, pelos menos nos dias que eu ia lá, Cabelinho !! Esse e o Gelson eram picas, Vovô, Careca, Gabriel, lá conheci o Angelo da Porão, o Nelsinho da Penha, o Paulo irmão do Manel não fazia balões mas colocava pilha em quase todo mundo que por lá passava, Conheci lá o Finado Arriado de Niteroi que nunca ouvi ou vi uma homenagem dos Araribóias para o cara, e olhem que ele fez balões bons hein. Era uma galera pegando nos balões, outros jogando buraco na garagem e alguns fazendo churrasco, fui muito naquela bancada e fui muito bem tratado por lá, legal ter vivido aquela época, hoje em novos tempos com uma nova formação da Turma tenho pouco contato e só conheço mesmo os remanescentes da Equipe antiga e outros que vieram de outras Turmas, mas o sucesso continua ao lado deles.

    PARABÉNS MAIS UMA VEZ COMETA !!!!

    Dinho Embalo RJ

    • Alexandre Martins disse:

      Caramba amigo muito bem lembrado , GABRIEL pra mim um mito da historia do balão tive o prazer tbm de conhecer alguns citados hulk ,cabelinho, corujinha, careca, enfim abraço s a todos.

  59. gustavo n.i disse:

    SO POSSO DISER OBRIGADO POR TUDO QUE FISERAM E FASEM PELA NOSAA ARTE .
    VLW COMETA!!!

  60. allan,tonho,chiuinho e paulinho (TURMA BALOÉDEN) rj disse:

    É AMIGOS QUE SAUDADES DAQUELA ÉPOCA,APRENDEMOS MUITO COM OS AMIGOS DA COMETA,E DIGO A A0S AMIGOS DA COMETA VOCES NAO FAZEM DO PASSADO, PORQUE TUDO QUE VOCES FIZERAM FAZEM PARTE DO NOSSO PRESENTE,UM ABRAÇAO DE TODOS DA BALOÉDEN.

  61. rodrigo(di) eq.quem vai vai !!! itaim paulista disse:

    show!!!lindos balões!

  62. tuca da turma do vilão disse:

    Garanto a vocês,chorei ao ler toda essa paixão pelo balão.Parabéns a todos da TURMA COMETA e pelos belos balões que proporcionaram a todos de ver.QUE venha o gigante da copa

  63. espantalho disse:

    tenho poucos anos de balao mais sempre fui fa da cometa principalmenti pelos belos resgati numca tive a oportunidadi de conhecelo mais quem sabe um dia nusm resgati podemos nos encomtra um abraço p/ todos da comata campo grande e um luxo

  64. Alvaro - Ex cometa disse:

    Olá ! sou o maninho um dos integrantes do inicio da turma do cometa que o Mamel sitou. ele por esquecimento, pois faz muito tempo, mão mencionou alguns nomes ;Paulinho,Coió, Silvinho, Amauri…Tempos bons que realmente não sairão de nossas memórias.Ficávamos noites e noites na bancada. Agradeço ao Manel por lembrar de mim, pois alguns que estão hoje lá se quer me conheceram. Um grande abraço para todos.

  65. Johnny (Só Amigos-SP) disse:

    Quando tinha 12 anos eu tinha uma medalha c/ a rerplica do piao de 54 mts do Pantanal, q ficava pendurada numa corrente q eu andava no pescoço, sou fã do trabalho de vcs e é um previlégio estar escrevendo e falando da T do Cometa-RJ, Parabéns a todos q fizeram parte dessa Turma …………………….Valeu……………..

  66. engenharte voo livre ( lelei) disse:

    pow cara .cresci vendo o baloes do cometa em albuns e fitas de videos.
    na minha opiniao no rio essa turma e uma das melhores. devido sua historia nos resgate e solturas de baloes fantasticos.e ate hoje sao lembrados com muitas saudades.os baloes simples e um mas lindo q o outro.nao como a maiorias de hoje com essa poluisao visual rsrsrs.desenhos que da pra por em uns tres baloes eles colocao em um so.boa sorte nos proximos progetos e conciensia nos resgates nosso bem maior sao os baloes.forte abraço…………….

  67. turma 33 disse:

    Eu acompanho de perto essa galera desde sempre e posso acegurar uma grande verdade ,ao contrario que muitos dizem ¨que com grana é facil ¨ a verdade é que a cometa tem disposição para fazer grande e belos balões e mais disposição ainda para ir nos resgates até os bitelos cairem, parabens cometa do amigo de sempre turma 33 !!!!

  68. SERGINHO EMENDA disse:

    PARABÉNS É POUCO PARA A COMETA!
    A SUA PRÓPRIA BALOGRAFIA FALA TUDO!!!!
    UM FORTE ABRAÇO!
    SERGINHO
    fAMILIA EMENDA

  69. Maninho- Ex cometa disse:

    Pois é Português, valeu as noitadas de sono perdido, lembro que um dia estava indo para o trabalho e ouvi na reportagem da rádio tupi (Sandra Cavalcante)que a policia recebeu denuncias que uma oficina mecânica, estava servindo de fábrica de balões, (estavamos com o faraó na bancada) se não me falha a memória) voltei e junto com Casado, Paulinho , Silvinho etc… retiramos tudo do barraco, e conseguimos gurada-lo em lugar seguro, até que pudessemos souta-lo. Abçs!!!

  70. BORGES AGUIA RIO disse:

    O manel falou uma coisa muito certa quando disse que “Tá cheio de linguarudo, fofoqueiro, caguetas. Querem aparecer mais que o balão”. Os linguarudos tem que botar na cabeça que balão é proibido e que todos nós (baloeiros) temos telhado de vidro e sendo assim não podemos jogar pedra no telhado dos outros por que um dia a pedra pode cair no nosso próprio telhado.Tem uma frase que costumo dizer pra todos os amigos baloeiros inclusive já disse também pro manel QUEM FODE O BALOEIRO É O PRÓPRIO BALOEIRO. Pensem nisso companheiros.
    Aproveito essa entrevista do amigo Galego pra deixar esse recado pra galera baloeira de todo o brasil.
    Quanto a entrevista dispenso qualquer comentário muito boa, relembrei momentos muito bons na minha vida tanto lendo como vendo as fotos.
    Ta de parabéns manel um grande abraço do amigo Borges.
    Vc esqueceu de mim maluuuuuuccccoooo! rsrsrsrsrssrsr. Abraço.

  71. turma da chacara rj BY BINHO .VP disse:

    o que falar da cometa ? mal? bem? não sei o que eu sei é que la só tem louco kkkkkkk
    conheço muitos de la mas na verdade o manel e um cara ireverente nunca ta de mal com a vida pelo menos que eu tenha visto nas solturas e nos resgates so amante da historias deles ja ajudei muito a colocar lanterninhas nos paineis rs e ja tive presente em muitos resgates com eles chegando junto tempos que nao voltam mas …..
    valeu manel adorei a entrevista depois re ligo para vc altografa esra entrevista empressa rs valeu pra eu cola aqui na bancada para uns e outros verem o que é amor pelo balão e pra eu nao esquecer vo manda um salve pro meu mano flasch cometa kkkkkkk valeu ….

  72. k.oliveira disse:

    Vemos que no RIO ainda existe as raizes dos verdadeiros BALOEIROS…bela entrevista! falou sobre os baloes poluidos… falou a mais pura verdade! o manel só faltou dar um conselho ao mundo do balão: ” baloeiros, antes de confeccionar ou soltar um balão leiam o livro PAIXÃO INEXPLICAVEL “.

  73. só arte disse:

    muito loko

  74. Anderson disse:

    ” DEPOIS DE TANTOS DEPOIMENTOS DE TANTAS FERAS NO MUNDO DO BALÃO SÓ TENHO QUE AGRADECER A SORTE DE ESTAR TÃO PERTO E DE CONHECER A LENDA VIVA COMETA… REALMENTE MARCOU MINHA INFANCIA POR ESTAR TÃO PERTO AQUI DE CASA… RSRSS ABRAÇO AÍ A TODOS DA COMETA E EM ESPECIAL AO CONE DOM PEDRO I ( ELE SEMPRE ACHA UMA ESTRADA.. RSRS ) ” ANDERSON TZRIO

  75. vi varios baloes da cometa! mais tem um q nao esqueço foi da armaçao da chave , ele ficou de frente pra minha ksa- foi uma coisa de louco vendo aquela grande chave caindo na vicente carvalho…

  76. anderson disse:

    Manel.. 90% das historias que eu sei da cometa foram contadas por um cara que ( sergio perereca ) muito seu amigo , morava no jardim do saco e fazia papel de pipa pra voce…
    depois dos meus 13 anos presenciei tudo o que ele falou vendo alguns baloes da cometa subir e tambem correndo atras com o joao e sua turma louca…
    Cometa e muita historia pra contar realmente.
    abraco a todos.

  77. Mauricio Salima disse:

    Bom dia galera, a alguns anos fui ver um balão da Turma Cometa,sou do RJ, esse balão deu um show, fogueteiro 47m tem até ai em cima em fotos, eu tirei muitas fotos dele, cujo as mesmas ainda guardo, mais o mais importante foi o vídeo que fiz dele subindo estourando fogos, é de arrepiar, MAIS INFELIZMENTE PERDI ESTE VÍDEO, MEUS HDS DERAM PROBLEMA, recuperei as fotos mais o vídeo não, procuro a ANOS um vídeo desse balão pra eu guardar como recordação, algum de vocês tem algum video dele ????? ou link ???? nem no youtube acho, por favor se alguem tiver entre em contato comigo, email é vncs021@hotmail.com, procuro a anos e não acho, obrigado !

  78. Sandro Artfina disse:

    Entrevista sensacional, dentre outras com os mestres baloeiros. É incrivél relembrar e tomar conhecimento de histórias do passado, com turmas extraordinárias como a Cometa.
    Tenho 30 anos e vivi um pouquinho da época de ouro do balão, como aperta o coração em saber que os bons tempos não voltam mais, com aquele céu repleto de balão, por mais simples que fossem, chego a me emocionar lendo estas entrevistas e vendo fotos dos antigos balões.
    A ultima foto é para chorar uns 10 dias….rs
    Abraços a todos.

  79. ANIMAL USM disse:

    FALAR OQUE SOBRE ESSA TURMA QUE CRECI VENDO VITAS DE VHS ADQUIRIDAS NA LOJA DO TATI SEM COMENTARIOS. MAS QUE UMA PALAVRA AS IMAGENS FALAO TUDO PARABENS COMETA

  80. cesar tzn disse:

    È uma grande turma mas deveria falar a verdade sobre os resgates que fizeram,principalmente do piao da cortiço,que vcs chegaram depois,e falaram que pegaram sozinho,papelao mas eu e vcs sabemos da verdade nao é!!!

  81. Daniel Cruz t.VDT. vai de tudo. RJ disse:

    eu sou fã do joão. pq eu prefiro correr atrás do balão do q ver ele subir. a cometa a turma da brasa a do porão e o pessoal do casarão 100% melhores do mundo.valeu manel espero q vc viva mais 200 anos.

  82. tutis ldr disse:

    Bem típico de carioca, falar que a culpa é de SP e o erro é da bucha, seeii. Conheci o Manel faz tempo, mas um típico carioca, malandrão.

    • flavio disse:

      Falou tudo, o gozado é que na entrevista ele não fala nos balões que eles tomaram na mão grande, inclusive do pessoal de Sp, engraçado botar a culpa em Sp,

  83. Dias JPA disse:

    Respeito essa é a palavra que devemos usar quando falamos de cometa,nunca fiz balões emblemáticos,mas sempre fui admirador da tradição,dos balões antigos,da confraternização que se formava principalmente nos balões de armação,coisa que infelizmente não se vê mais.Hoje ao invés da turma falar do seu balão que está na bancada, fala do balão do outro
    preocupado em troféu. Balão,tradição junina não é isso o balão deve ser feito independente de troféu ou qualquer premiação.
    Abraços a todos.

  84. Barriga disse:

    Mto legal esse depoimento da Cometa…eu vivi issu tudo mto de perto…qdo participava da T. Maluca de R.Miranda…curtimos mtos balões da Cometa na Famosa Chacara.
    Sempre esbarrava c eles na pista…comandados pelo João,Rodolfo e Cia…só perdia-mos no resgate pra eles…fazer o q né..kkkkk T. do Cometa marcou uma época de ouro no RJ…Sensacionais revoadas na Chacara…os painéis etc…vlw…saudades….

  85. comando oeste osasco disse:

    ZECA,A COMETA e uma escola para muitas turmas tanto em SP quanto no RJ tenho varias filmagens de baloes da COMETA dos anos 80 so balao loco ,parabens COMETA .

  86. Higor Turma do Terreno disse:

    Parabenizo a tds os Amigos baloeiros e em especial aos amigos da COMETA, eu fui ver a soltura do Lampidado de 47 em Santo Aleixo Magé e fui um o primeiro a chegar na boca do balão na fazenda onde caiu, posso provar pq tenho ainda guardado 10 treme terras,cordas e mts fotos em sites, foi um balão para história e nunca sairá da minha memoria, gostaria de pedir o video da soltura e do resgate dele pois o meu se estragou com o tempo e não acho na Internet, obr e gostaria da ajuda de vcx!

  87. tumado ed ! disse:

    só queria relatar um trecho da entrevista,bem lembrado pra quem é baloeiro que graça tem comprar o balão,o projeto ,tudo pronto !!!???? o gostoso é quebrar a cabeça com desenhos,cálculos fazer tudo .
    quem comprar balão e tudo mais pronto pode se considerar baloeiro !!
    muito bom esse tópico.
    quanto aos balões sem comentários……showww

  88. RICARDO GUEDES PAULO Turma Cometa Tatuapé - SP disse:

    BOA TARDE,

    Então vamos lá, Cara é com imensso prazer em dizer parabéns COMETA, até porque somos fãs de voceis desde o final da década de 70 e por esse motivo montamos em 1982 a Turma Cometa Tatuapé SP e meu já falecido Pai quem poderia dizer o quanto ele era fã dessa Turma de Armações, Piões mostros (GIGANTES), Fogueteiros ( Diurnos / Noturnos)e ETC, Sempre que a Cometa do Rio soltava algum balão imos no Tati para comprar fotos e meu pai sempre compra um jogo à mais para colocar em baixo do vidro de sua mesa no escritório do Estacionamento da Azevedo Soáres e que conheceu meu Pai ( Ademar ou mais conhecido como DEMA,AGP,ALEMÃO,PANTERA e etc gostava de soltar balões de aniversário pra alguém ou de soltar fogueteiros no estacionamento, Cerete ou na famosa rua Torrinha do Tatuapé, e sem falar dos resgates malucos na casa do Silvio Santos ( 4×4 fog. noturno ), do bojo dentro do rio Tietê e muitos outros que agora não consigo me lembrar, mas cara tive também o prazer de conhecer esses caras da Cometa do Rio no Paschoal da Baloema vindo buscar seda na caminhonete do Manel e trocamos várias idéias com o Cabelinho e ele estava com as fotos do Armação do Michelangelo nas mãos eles tinham acabado de soltar alguns finais de semana antes e um outro dia eles estavam com o Vithe da Albatroz no Ceret ( matão )empinando Pipa diferênte pra caramba, bom em fim os Caras da cometa Rio são e sempre serão os caras pra gente, e fica o convite quando eles estiverem em Sampa nos procurem para fazermos um churrasco em nossa Chácara em Suzano ( Sr Algusto da Turma da Kombi tem o meu Rádio Nextel, obrigado por proporcionar tanta Arte e Alegria por terem feito estes maravilhosos trabalhos e os que virão pela frente, abração e fiquem com DEUS e que ele os proteja em todos os projetos sempre.

  89. gil balines disse:

    será que algum dia isso tudo que vivemos voltará?/?
    salvem os baloes!!!!!eles sao com certeza as estrelas deste mundo!

  90. Alex -Turma Faraó RJ disse:

    Parabéns cometa pela linda história, comecei com meus balões em 1990 vendo esses trabalhos lindos.

    Um abração

  91. Negão Sandu Mosaico disse:

    Essa turma é sem palavras, conheço varios integrantes da turma todos parceiros, e qnto a turma uma das melhores, pelo historico deles, ai abs a todos …

  92. TURMA ENTRE AMIGOS disse:

    sou muito fã da cometa cresci vendo seus lindos baloes nos albuns de figurinhas e nos festivais, e concordo com o que ele disse sobre a forma como é projetada a arte de hoje em dia, vc ver muita turma que aparece do nada com um lindo balao e depois some nao se ouve mais falar,e pra mim a unica coisa que ficou mais bonita hoje de que antigamente sao as armações que bem projetada um rosto por exemplo parece uma foto no alto!!

  93. willians turma bicho solto antiga turma da vovó do engenho novoRJ disse:

    a cometa fez parte da minha vida por muitos anos os cras sãolendas vivas pois desde de que eu comecei a frequentar a reunião dos baloeiros em madureira na lojinha de fotos se eu não me engano era a foto visão parabens como dizia o saudoso zeca da amizade balão é tradição é arte é cultura balão só com amor se faz

  94. turma art enigma disse:

    voces sen saber me inspiraram para eu junto com a minha turma fazer o 47 mts procurei fazer o mesmo tema da sua bandeira pois acho que eu asisti umas 2000 vezes a filmagem do seus balao demorou para eu concegui mais nao desisti valeu pela a inspiraçao um abraço de todo a turma

  95. FREDDY / TURMA DA ARTE LIVRE disse:

    Sempre me inspirei no trabalho desta turma maravilhosa.Parabéns a Turma do Cometa por tantos anos de arte.Espero poder participar um dia de um projeto de vcs.

  96. Alexandre Martins disse:

    Parabéns!!!!!!!!! Gabriel,Manelzinho, João COMETA enfim.


*